05-11-19

ESP/CE discute fim da violência contra a mulher por meio de seminário

 

A Escola de Saúde Pública do Ceará Paulo Marcelo Martins Rodrigues (ESP/CE), por meio do seu Centro de Educação Permanente em Vigilância em Saúde (Cevig), realizará no período de 18 a 19 de novembro, o Seminário “Fortalecendo Redes Solidárias no Enfrentamento à Violência contra a Mulher”. As atividades farão parte da Campanha “16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra a Mulher” e ocorrerão em parceria com a Universidade Regional do Cariri (URCA), Observatório da Violência e dos Direitos Humanos na Região do Cariri e Cooperativa Interdisciplinar de Capacitação e Assessoria LTDA (Casa Lilás).

 

Neste ano, o seminário terá como tema: Fortalecendo Redes Solidárias no Enfrentamento a Violência contra Mulher”. Sua programação será composta também pela III Mostra de Trabalhos de Pesquisa e Extensão em Saúde: Violência contra as Mulheres” e pelo “I Encontro da Rede Estadual de Atenção Integral às Mulheres, Adolescentes e Crianças em Situação de Violência.

 

Ainda no dia 18, será lançado o 3º volume do Caderno Diálogos sobre as Experiências no Enfrentamento à Violência. Em 20 de novembro, a programação migra para o campus da Universidade Regional do Cariri (URCA).

 

Assim como a agenda de Fortaleza, o evento contará com o Seminário “Fortalecendo Redes Solidárias no Enfrentamento à Violência contra a Mulher” e suas apresentações derivadas. As ações ocorrerão em parceria com o Centro de Extensão em Saúde da ESP/CE (CEESA-ESP/CE), as Ligas Universitárias, comunidade acadêmica, e movimentos sociais do Ceará.

 

De acordo com o Centro de Educação Permanente em Vigilância em Saúde da ESP/CE, as inscrições para o evento serão lançadas em breve. Da mesma forma, haverá o lançamento de um edital para participação da III Mostra Científica, tanto em Fortaleza quanto no Cariri.

 

 

 

REDE DE ESCOLAS DE GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ

Avenida Presidente Costa e Silva, 1251 – Mondubim - CEP: 60.761-505 - (85) 32960469

Horário de funcionamento: de segunda a sexta-feira, das 8 às 12 e das 13 às 17 horas.